NEGRITUDE JUNIOR É ATRAÇÃO DA FESTA DA NEGADINHA
20/06/2018 - 17h36 em Música

Em 1986, uma turminha de amigos, com idades entre 12 e 15 anos, moradores da Cohab Carapicuíba, Zona Oeste de São Paulo, reunia-se aos domingos para curtir a “Praça do Samba” do km 18, em Osasco. Munidos de instrumentos, batucavam nos intervalos das apresentações dos artistas, formando uma rodinha de pagode bem animada. Até que um dos organizadores do evento resolveu dar-lhes uma chance e numa bela tarde de domingo, aproximou-se. Todos pararam de tocar, imaginando que iriam levar uma bronca. E nesse momento foram questionados o porquê haviam parado de tocar. Então, o organizador disse-lhes que já vinha os observando há vários domingos e que estava adorando o grupo, surgindo assim um convite para que se apresentassem no palco da “Praça do Samba” no domingo posterior, convite aceito instantaneamente por Claudinho. E ali naquele mesmo instante, fora perguntado o nome do grupo. Em virtude da emoção, quase gritando, Waguininho respondeu:
- É Negritude, é Negritude, é Negritude!
E assim, mesmo tremendo, Nênê completou:
– É Negritude Junior Senhor.
Ficava ali marcado o show para o próximo domingo, dia 18 de Maio de 1986, primeira apresentação do grupo num palco

E é essa turminha, que estara presente na 21ª Edição da Festa da Negadinha da Usina, que acontece neste final de semana dia 24 de junho, nas dependências da usina Santa Bárbara em Santa Bárbara d'Oeste.

A festa começa a partir das 9 horas com entrada franca, o público conferirá uma das tradicionais festas da cidade que celebra, neste ano, o bicentenário da cidade. O evento tem entrada franca no Novo Pátio da Usina Santa Bárbara, no Residencial Dona Margarida, e é Associação dos ex-moradores da Usina e pela Prefeitura.

A programação tem início, às 9 horas, com a missa na Capela Nossa Senhora de Fátima, seguida do cortejo e hasteamento do mastro dos santos. Em seguida haverá apresentação da Corporação Musical União Barbarense, Banda Forrojáh, Banda Alto Astral com a participação das passistas e encerramento com a banda Negritude Júnior. Durante toda a programação, haverá comercialização da Feira de Artesanato.

A Praça de Alimentação terá cardápio diversificado e será explorada pelas entidades assistenciais APAE, Hospital Santa Bárbara, Associação Negadinha da Usina, Rede Feminina de Combate ao Câncer, Creche SOS, Lions Club Pérola, Centro Espírita Maria Gorete, Creche João Paulo II e Vida e Sobriedade.

História - A Festa da Negadinha surgiu com a proposta de realizar o reencontro dos ex-moradores do local. Os primeiros passos para a construção da Usina Santa Bárbara foram dados em 1877, quando o major João Frederico Rheder adquiriu áreas da Fazenda São Pedro. Em 1883 foi montado o primeiro grande engenho. A usina de açúcar e álcool foi inaugurada em 25 de julho de 1914. O local foi desativado em 1995 e continua sendo um dos pontos de maior identificação do Município.

O Negritude Junior Tornou-se um dos expoentes do pagode pop-romântico. Começaram vencendo um concurso promovido pela escola de samba Camisa Verde e Branco. Com isso gravaram duas faixas em uma coletânea lançada por ocasião do festival.  Em seguida assinaram contrato com a EMI. Depois disso o grupo não parou mais de gravar discos de forte apelo popular, com letras românticas e músicas melodiosas, tendo ganhado outros prêmios e Discos de Ouro e Platina. O grupo é formado hoje por: Claudinho, Nenê, Feijão e Ari.

 

 

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!